Agenda


Si voleu col·laborar amb nosaltres, només cal que ens envieu un correu i us informem!

dilluns, 27 de novembre de 2017

Divendres 1 de desembre, "Desmuntem la llei, construïm legitimitat", amb Carla Vall




 
El proper divendres 1 de desembre a les 19h tindrem a Carla Vall al Casal Popular Sageta de Foc, amb la xerrada Desmuntem la llei, construïm legitimitat.
Carla Vall es advocada penalista i de drets humans. Especialista en l’abordatge i prevenció de violències masclistes; assessora en polítiques públiques i plans de seguretat des d’una mirada interseccional.
En aquesta ocació ens parlarà sobre la legalitat vigent i com construir la nostra legitimitat amb una mirada feminista.
L'acte l'organitzemArran Tarragona, Cau de Llunes, CDR Tarragona, CUP Tarragona, Endavant Tarragona, SEPC i Stop Mare Mortum.

1 comentari:

pvnam ha dit...

MENSAGEM PARA OS ANTI-SEPARATISMO
(mensagem em divulgação, ajuda a divulgar)
.
.
Pessoal anti-separatismo:
---» CONTINUEM A DESBARATAR/VENDER TUDO AQUILO QUE PUDEREM MAS NÃO CHATEIEM os separatistas que trabalham para a sobrevivência da sua Identidade.
.
-» A gente sabe que para os anti-separatismo é tudo para vender/desbaratar; ex: na Europa a propriedade pública, e a propriedade privada tradicional ESTÃO A DESAPARECER (é ver as estatísticas)... a pouco e pouco, está tudo a ser vendido a multinacionais e a oligarcas (africanos, do médio oriente, etc).
.
Mais:
- a gente também sabe que os anti-separatismo não só não trabalham para a sustentabilidade (média de 2.1 filhos por mulher) da comunidade nativa... como também... andam por aí a lamber-as-botas aos salvadores da demografia, mais, andam inclusive a lamber-as-botas à boa produção demográfica daqueles que tratam as mulheres como úteros ambulantes (ex: islâmicos).
.
E mais:
- a gente também sabe que os europeus anti-separatismo trabalham como lacaios/mercenários ao serviço da alta finança (capital global) -» trabalham para a eliminação de fronteiras... nota: a alta finança ambiciona terraplanar as Identidades, dividir/dissolver as Nações para reinar...
[ os mercenários europeus - tal como a alta finança - são intolerantes para com os povos autóctones (economicamente pouco rentáveis) que procuram sobreviver pacatamente, e ao seu ritmo, no planeta ]
.
Uma nota: tal como seria de esperar, os lacaios/mercenários não têm falado neste caso: em pleno século XXI tribos da Amazónia têm estado a ser massacradas por madeireiros, garimpeiros, fazendeiros com o intuito de lhes roubarem as terras... muitas das quais para serem vendidas posteriormente a multinacionais (uma obs: é imenso o património no Brasil que tem estado a ser vendido à alta finança).
.
.
.
Anexo:
DEMOGRAFIA E SEPARATISMO-50-50
.
.
---»»» Todos Diferentes, Todos Iguais... ou seja, todas as Identidades Autóctones devem possuir o Direito de ter o SEU espaço no planeta -» inclusive as de rendimento demográfico mais baixo, inclusive as economicamente menos rentáveis.
-» Os 'globalization-lovers', UE-lovers e afins, que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa.
-»»» blog http://separatismo--50--50.blogspot.com/.
[o legítimo Direito à Sobrevivência das Identidades Autóctones]
.
.
Nota 1: Os Separatistas-50-50 não são fundamentalistas: leia-se, para os separatistas-50-50 devem ser considerados nativos todas as pessoas que valorizam mais a sua condição 'nativo', do que a sua condição 'globalization-lover'.
.
Nota 2: Mais, é preciso dizer NÃO à democracia-nazi; isto é, ou seja, é preciso dizer não àqueles que pretendem democraticamente determinar o Direito (ou não) à Sobrevivência de outros.

.